Amar o próximo na sua miséria

quinta-feira, junho 24, 2021


"7.Caríssimos, amemo-nos uns aos outros, porque o amor vem de Deus, e todo o que ama é nascido de Deus e conhece a Deus."


1 São João 4:7

Ele se aproximou e disse:

---- Você é inútil não serve para nada, sua doença te torna incapaz de prosperar na vida. 

Tais palavras marcaram o coração do filho como espadas que fincam na alma, o que devia ser compreendido com amor´, foi tratado como lixo sem nenhuma importância.

Ela falou para ele :

----- Não suporto mais, sua bebedeira é problema seu, não viverei perdendo meu tempo com alguém que não valoriza a vida nem os seus.

O marido Bêbado não via mais esperança, afogado em sua própria amargura, via no seu vício a única amiga  que lhe compreendia sem julgar.

Eles falaram 

------ Você é uma pessoa sem valor, se nos amasse não nos traía, nunca mais queremos saber de você.

A  mulher que acabara de quebrar o contrato com os amigos e sócios, mesmo arrependida da sua decisão que foi tomada pelo impulso, ali se viu sem  palavras até para se desculpar, não cabia mais insistir no perdão de quem não lhe queria por perto.


Essas frases são as muitas que já ouvimos ou vimos alguém escutar, ou até mesmo já falamos para alguém próximo. Me pergunto como nos sentiríamos se Deus assim agisse conosco.

Jesus Cristo, mesmo em seus piores momentos nunca sequer nos julgou ou abandonou por qualquer motivo, em vida terrena e em vida espiritual sempre ele nos ama em qualquer situação. Nós em diversos momentos de nossas vidas nos colocamos em situação de não cuidar de Deus, nem querer muitas vezes estar com ele, e mesmo assim ele nos ama incondicionalmente.

Uma das coisas mais difíceis que Jesus nos deixou foi a palavra onde é claro amar o próximo.

 Mas porque quase nunca nós cumprimos essa ordem?

Simplesmente por que é mais fácil jogar fora tudo aquilo que nos dá trabalho, se livrar do problema é mais simples do que encarar e tentar ajudar o outro a achar uma solução.

Quem somos nós diante de uma situação dolorosa? Já se perguntou isso hoje?

Muitos agem assim, como nos 3 exemplos que citei acima. Outros raramente ajudam ou encaram o problema junto, mas uma parte que se encaixa nesse segundo comportamento carrega consigo uma coisa chamada relembrar a dor do outro em forma de julgamento e acusação.

Hoje meu convite para todos nós, isso tb me inclui. Que oremos a DEUS todos os dias para sabermos ama o próximo como Jesus nos pede, apoiar e ajudar o outro na sua miséria, na sua fraqueza.

Todos somos fracos e incapazes de seguir sozinhos, além de Jesus nos ajudar , precisamos também da ajuda do outro.

 Que amor é esse que você um dia julgou ter pelo seu filho, marido, esposa , amigo se não é capaz de ajudar sem pisar no outro? Ou simplesmente jogar tudo fora como se fosse descartável.


Amar o que nos convém é fácil, até nosso inimigo faz, mas amar e ajudar quem nos magoou ou quem não é perfeito para nós é a maior prova de misericórdia e de obediência ao mandamento mais lindo que Deus nos deixou.

A empatia é  a melhor maneira de saber como o outro se sente, experimentar a dor do outro é entender como você gostaria que fosse tratado se estivesse na mesma situação. 

Nem sempre teremos paciência e discernimento para suportar os desafios de lutar por alguém extremante doente física ou mentalmente, por que a natureza humana nos leva a fugir de tudo aquilo que nos traz dificuldade de conviver. Mas orando e pedindo a nosso Senhor a graça de amar ao próximo na sua miséria nos ajudará a seguir em frente, cuidando, orientando, ajudando.

Comece orando sempre ao despertar , e o maior desafio é controlar tudo aquilo que sai da sua boca, palavras mal faladas doem mais que um tapa. E lembre que o demônio está sempre nos colocando na mente todos os motivos para pensar que aquela pessoa na qual devemos ajudar, não merece, não quer, não contribui. Mas aí eu te falo aquilo que Jesus coloca em meu coração:

Devemos dar remédio a quem não está doente? 

Nosso Senhor inteligentemente sabia que nós deveríamos ser aqui na terra mediadores uns dos outros, assim como médicos do corpo, precisaríamos dos médicos da alma. Deus nos ensina que amando o próximo experimentamos  ser misericordiosos, assim como ele foi e é conosco.

Que sua semana seja abençoada pelo Espírito Santo e que seu coração possa se abrir para esse amor sem fronteiras, onde ver o próximo além dos defeitos dele possa te fazer compreender o amor que Deus tem por nós, mesmo quando não somos perfeitos.

Boa quinta feira , a paz de cristo!!!!!

Poderá gostar também

1 comentários

Sejam bem vindos,deixe seu comentário é muito importante para nós,que a paz de Deus esteja com cada um de vocês.

n apague

Nome

E-mail *

Mensagem *